O Índice AFS de Competências Globais examina doze diferentes elementos que promovem competências globais e ajuda a refletir sobre como sua escola pode alcançá-los. Assim que o questionário for respondido, você receberá o perfil de preparação de sua escola, além de recursos e recomendações específicas de como identificar novas oportunidades em sua própria prática pedagógica, em sala de aula e no âmbito geral da escola, de forma a promover a competência global dos alunos.

 

Preencha a pesquisa!

11154979_1090370307653758_6691304222034286867_o

Quem deve utilizar o Índice AFS de Competências Globais para escolas?

Seja você professor ou gestor escolar, você pode utilizar o Índice para explorar o quão preparada sua escola está para ajudar a desenvolver competências globais em seus alunos. Os resultados o auxiliarão a detectar alguns dos pontos fortes e fracos de sua escola e fornecerão recomendações para que você possa estimular práticas institucionais mais fortes na construção das competências globais.

Por que o AFS desenvolveu esta ferramenta?

Enfrentando os desafios globais

O panorama atual do mundo é marcado por complexidades, desafios e oportunidades que requerem saber como aprender, trabalhar e conviver com nossas muitas diferenças. Realizar isto exige que a juventude compreenda como acolher a diversidade em todas as suas formas, uma habilidade essencial no século XXI.

Apoio proativo às escolas

Governos, especialistas em educação e empregadores, mais e mais, reconhecem que implementar competências globais educacionais, o mais cedo possível na sala de aula, é uma das melhores maneiras de se conseguir fazê-lo. Isto é relevante, especificamente, tendo em vista o recente Quadro de Competências Globais do PISA 2018 (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico – OCDE) e o Quadro de Competências para Cultura Democrática (Conselho Europeu – CoE).

Mais de 70 anos de experiência

O AFS, por mais de 70 anos, vem realizando programas de aprendizagem intercultural que objetivam a construção de competências globais, baseados nos estudos mais avançados na área. E, hoje, oferece este conhecimento e experiência com o intuito de apoiar educadores e instituições que visem ajudar os alunos a aprender e a cooperar em meio a diferenças e a culturas diversas.

Termos e conceitos

Referências:

● Preparing Youth for an Inclusive and Sustainable World: The OECD PISA global competence framework. OECD, 2018. Disponível aqui.
● Competences for Democratic Culture: Living together as equals in culturally diverse democratic societies. Council of Europe, 2016. Disponível aqui.
● Global Citizenship Education: Preparing learners for the challenges of the twenty-first century. UNESCO, 2014. Disponível aqui.

Tem como objetivo capacitar os alunos a se envolverem e assumirem papéis ativos, tanto local quanto globalmente, para enfrentar e resolver os desafios globais e, finalmente, para se tornarem contribuidores proativos para um mundo mais justo, pacífico, tolerante, inclusivo, seguro e sustentável.

Sobre o AFS

O AFS Intercultura Brasil é uma organização internacional, voluntária, não governamental e sem fins lucrativos, comprometida em oferecer oportunidades de Aprendizagem Intercultural para contribuir com as pessoas no desenvolvimento do conhecimento, das habilidades e do entendimento necessários para criar um mundo com mais justiça e paz. Todos os anos, cerca de 12.000 jovens participam nos programas AFS que são apoiados por mais de 50.000 voluntários e funcionários em mais de 60 países em todo o mundo.

Saiba mais sobre o AFS