Na última quarta feira (26 de outubro), o Intercultural News teve a exclusividade de poder realizar uma entrevista com o renomado artista plástico, ativista social e embaixador da Boa Vontade da UNESCO, Vik Muniz. Aos 54 anos, o artista nascido em São Paulo, hoje vive e trabalha no Rio de Janeiro e em Nova Iorque. Suas obras são reconhecidas mundialmente pela criatividade na escolha de materiais, compostas de materiais sucateados e inusitados, como: restos de comida, resíduos de obras e até simplesmente… grãos de açúcar. Um exemplo bem famoso é o de seu quadro de Sigmund Freud , em que ele usa caqui estragado e calda de ameixa para reproduzir a figura do psicanalista.

Leia a matéria completa

(function(w,d,s,l,i){w[l]=w[l]||[];w[l].push({'gtm.start': new Date().getTime(),event:'gtm.js'});var f=d.getElementsByTagName(s)[0], j=d.createElement(s),dl=l!='dataLayer'?'&l='+l:'';j.async=true;j.src= 'https://www.googletagmanager.com/gtm.js?id='+i+dl;f.parentNode.insertBefore(j,f); })(window,document,'script','dataLayer','GTM-T86NHC9');
(function(d, s, id) { var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0]; if (d.getElementById(id)) return; js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = 'https://connect.facebook.net/en_US/sdk/xfbml.customerchat.js#xfbml=1&version=v2.12&autoLogAppEvents=1'; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs); }(document, 'script', 'facebook-jssdk'));